terça-feira, 21 de julho de 2009

Dr. Carnage

Imaginem o Matanza, com seus riffs e bateria meio Hardcore. Imaginaram? Agora imaginem as introduções da guitarra do Donida, antes das músicas, unidas ao vocal do Jimmy... imaginaram? Acompanharam? Mentalizaram? Pois bem, eles podem se orgulhar, porque se existe uma banda no Brasil que foi influenciada, que bebeu da fonte dos caras e absorveu a mensagem deles, esta banda se chama Dr. Carnage, formada no ano de 2008, em Natal. Arriscaria dizer até que as letras são bem melhores do que as do Matanza, a meu ver, claro. Primeiro, porque eles conseguiram deixar elas com uma cara bem nordestina (em certas partes lembra muito Raimundos) e esqueceram um pouco essa coisa meio americanizada que o Matanza sempre passa em suas letras. E segundo, pela coragem de incluir palavrões bem sujos nas letras, coisa que o Matanza não faz, visando grana, claro.

Um amigo me mandou um link do primeiro EP da banda intitulado "Estilo Brucutu" (disponibilizado pelos próprios músicos na internet, vale salientar) dizendo que eles tocavam Punk Horror. Baixei a parada, botei pra rodar e não vi muita influência do Punk Horror no trabalho deles, salvo “Morticia”, com uma introdução bem Psychobilly e o um andamento que realmente respira este estilo. Aliás, esta foi a música que mais gostei, seguida da “O Padre Füdeüs”, com uma vinheta bem hilária antes e depois da música. Nos demais sons o que ouvi mesmo foi muita putaria, birita, brutalidade e Matanza. Até o vocal do Antônio Garrafinha é muito parecido com o do Jimmy. Em certos momentos pensei até que era o próprio gordo arrogante cantando.

O EP foi gravado no Estúdio Dosol e teve a produção do Dante Augusto. As faixas foram muito bem mixadas e não perdem em nada para os grandes lançamentos, sendo que assim, você pode colocar ele no som e mandar ver tranquilamente. Garanto que vai ouvir cada instrumento sem problemas. A arte de capa, que curti pra caramba, é creditada ao Leonardo F.

Dentre as dezenas de bandas de Natal, esta com certeza integra a turma das que se sobressaem, e se continuar assim pode ter um grande futuro pela frente. Só recomendo que procurem colocar um pouco mais a “cara” da banda nessa mistura de Hardcore e Hellbilly, e tentem fazer um som mais deles, amenizando um pouco a influência gritante que os deixa quase como uma banda cover do Matanza. Afinal, precisamos de bandas inovadoras, que acrescentem “algo mais” ao estilo, coisa que eles fizeram mais em suas letras... gostaria de ver isso nos próximos trabalhos, porque achei o seu trampo bem legal e com certeza os verei tocando por aqui em Caicó.

Aqui vai o link para o download do EP... baixem, divulguem e comentem!

7 comentários:

foca disse...

man, coloca o link do netlabel do dosol pro download, até para podermos acompnhar a contagem. Troca esse pelo de lá

Pedrinho [NOIZE] disse...

Dr. carnage é iradão... Porém são 4 bichas na banda...

Quevedo Dr.Carnage disse...

Valeu brother! Sempre acompanho o blog. Está de parabens pela resenha.

Icaro disse...

vi o show deles aqui em natal.
muito foda.

Anônimo disse...

Eu achei meio parecido com o Matanza também. Nem gosto de matanza, mais deles eu achei o som até legal, mais cru o som.

Lucas

Márcio Death disse...

Matanza, sem dúvida, é a melhor banda do mundo na atualidade, e por isso, não dá pra comparar nada nem ninguém com Matanza...
Mas só pelo fato de Matanza ter servido de inspiração pra Dr. Carnage, já mostra que os caras estão no caminho certo...

PELIGRO T-SHIRTS disse...

Se o Matanza original há tempos já encheu o saco, o que dizer de uma cópia xerox mal tirada da mesma?

layout por WART :]